Virada para o slow content

Fazer conteúdo não é mais novidade, grandes marcas já utilizam a muito tempo e tem suas redes consolidadas. O problema agora é a relevância desse conteúdo e não mais o volume. Dentro desse cenário é importante fazer algumas reflexões:

O que é relevante dentro do seu conteúdo?

O que o seu público vai aprender?

Como ele vai se conectar com o seu público?

Uma tendência para resolver esse problema tem sido a virada para o slow content (“conteúdo lento”). Não dá mais para criar conteúdo sem propósito, as pessoas querem consumir algo que entregue valor, que mostre a identidade da sua marca, que crie conexão com elas.

Tendências do Marketing Digital para 2021

O ano começou, mas ainda dá tempo de pensar nas estratégias de Marketing da sua empresa, e nada melhor que conhecer as tendências do mercado para ter uma ideia do que precisa ser ajustado e qual caminho seguir.

Uso intenso de Inteligência Artificial

A Inteligência Artificial já foi incorporada ao nosso dia a dia, então a tendência aqui é o uso cada vez mais intensivo dessa ferramenta.

Na nova atualização do  Google Analytics, por exemplo, o processo de Machine Learning está sendo levado a níveis ainda mais sofisticados, o que será de imensa ajuda na hora de segmentar as campanhas. Isso porque hoje o consumidor não quer só ser chamado pelo nome, mas principalmente ter suas necessidades devidamente reconhecidas.

Marcas mais humanas e comprometidas

Com a pandemia do coronavírus, claramente o público cobrou das marcas um posicionamento mais humano diante de uma crise global.

As marcas que souberam assumir sua condição humana e compreender seu papel em um momento de dificuldade conseguiram se conectar com as pessoas. Elas se humanizaram e ganharam a identificação dos consumidores. Mas é importante que isso seja autêntico e refletido na imagem como um todo da empresa. O consumidor hoje procura isso quando vai adquirir um produto ou serviço e a tendência é que seja cada vez mais assim.